PIRΘNΛ℧TΛ

CRIANDO

BOAS HISTÓRIAS

A Pironauta foi criada em 2007 para atuar na criação e produção de conteúdo audiovisual, com foco em cinema e TV, primando pela abrangência e diversidade de conteúdo. A sua missão é contar boas histórias. Produtora atuante no cenário nacional, com uma mirada nos mercados e cenários de outros Países.

NOSSOS 

 PROJETOS 

Lançamento 2022

 

 tv 

 

 FILMES 

FALE  CONOSCO 

PIRΘNΛ℧TΛ

Produtora focada em cinema e TV, primando pela abrangência e diversidade de conteúdo

Contato 

@2021  PIRΘNΛ℧TΛ.  TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

PT | EN

68 ROTAÇÕES  

Sinopse
1968. Paulo, 21, foge de casa no interior e vai para São Paulo, onde sonha em estudar fotografia e tornar-se um artista. Dois anos depois, flagra-se repetindo o estilo de vida burocrático que condenava no pai. Entra em crise e decide ir atrás de experiências genuínas que o ajudem encontrar seu real propósito como fotógrafo. É assim que ele abandona seu emprego de vendedor na metrópole e muda-se para Arembepe, paraíso da contracultura na Bahia. Lá, vive uma jornada espiritual que lhe traz a sensibilidade necessária para tornar-se um dos grandes fotógrafos da MPB no Rio de Janeiro. 

DEPOIS DE SER CINZA Brasil, 90 min, DCP, Longa-metragem, 2019 Sinopse - Depois de Ser Cinza é um projeto de longa-metragem de ficção, com roteiro original de Leo Garcia, direção de Eduardo Wannmacher e produção da Pironauta. O filme aborda, de forma não-linear, a influência do tempo e do destino nas relações entre indivíduos. Histórias de superação e retorno, onde grandes frustrações se tornam pontes para novos caminhos e trajetórias.
Um quebra-cabeça, que, peça a peça, vai construindo a trama: três amores em três tempos. Três mulheres e um homem. Um drama denso e profundo, com momentos emocionantes e também passagens descontraídas, cuja variedade de cenários potencializa os conflitos dos personagens: enquanto boa parte das ações se dá em Porto Alegre, onde vive o protagonista, Raul, o filme também terá cenas na Croácia, mostrando as inusitadas e belas locações do país do leste europeu para o público brasileiro, o que certamente agregará valor de produção e de intensidade visual para o filme. “Depois de ser cinza” apresenta um olhar sincero e contemporâneo sobre relacionamentos.
Direção - Eduardo Wannmacher Roteiro - Leo Garcia Co-produção - Ausgang Com - Elisa Volpato, Branca Messina, Silvia Lourenço e João Campos Financiamento - ANCINE/FSA-BRDE; PRÓ-CULTURA RS; e Prêmio Santander Cultural/Prefeitura de Porto Alegre-APTC de desenvolvimento Apoio - IECINE; Hrvatski Audiovizualny Centar; Zadar Film Commission; e Porto Alegre Film Commission. WORK IN PROGRESS MAFIZ - Festival de Málaga Distribuição - Boulevard Filmes
Previous
Next